“Tivemos um total de 65 ocorrências nos 18 distritos de Portugal continental. O Porto foi o mais afetado com 11 ocorrências, seguido de Coimbra com nove e Leiria com oito”, disse à agência Lusa o major Manuel Cordeiro, da ANEPC).

Segundo o major Manuel Cordeiro, das ocorrências registadas, 35 são quedas de árvores e 10 quedas de estruturas (andaimes e placards).

Foram também registadas algumas ocorrências relacionadas com pequenas inundações.

Nas operações estiveram envolvidos 226 operacionais, com o apoio de 85 veículos.

“O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) emitiu aviso amarelo para quase todo o país por causa da chuva, mas está preocupado com Lisboa. Há a possibilidade de até às 10:00 podermos ter precipitação de 10 a 20 milímetros numa hora”, disse.

O IPMA prevê para hoje no continente períodos de chuva persistente e por vezes forte e acompanhada de ventos que podem atingir os 110 quilómetros por hora nas terras altas.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.