O simulador, disponível em www.ecocasa.pt e associado ao Dia Mundial da Água, que se assinalou no domingo, permite aos cidadãos medirem os consumos e perceberem se gastam água acima da média do seu distrito ou, se por outro lado, "são eficientes" e consomem abaixo da média, indicou a Quercus, em comunicado.

"No caso de se sentirem ineficientes, poderão contactar a equipa do projeto que lhes sugerirá medidas de melhoria", acrescentou a organização.

A associação ambientalista cita dados da Organização das Nações Unidas (ONU) para frisar que mais de 2,7 mil milhões de pessoas deverão sofrer com a falta de água em 2025, se o consumo global continuar nos níveis atuais.

A Quercus analisou a utilização de água em Portugal através de um inquérito online, realizado entre 21 de fevereiro e 21 de março e reuniu 1.075 respostas completas, concluindo que a maioria dos participantes já deixou de tomar banho de imersão - 82% revelou que nunca tomam banho de imersão e apenas 18% diz tomar uma média de quatro banhos de imersão por ano.

"Já sobre o custo da água, a maioria dos portugueses considera que a água é um recurso caro (67%)", revelou o inquérito.

"Neste inquérito também se verificou que, no universo de inquiridos que se preocupam com a poupança de água, a maioria não possui autoclismos de dupla descarga, o que é hoje em dia um acessório muito comum e ainda há quem não saiba do que se trata", lê-se no documento

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.