Segundo o porta-voz daquela força policial, o rapper, de nome Sha Yaa Bin Abraham-Joseph, é um cidadão britânico que entrou nos Estados Unidos de forma legal em julho de 2005, mas ultrapassou o prazo do visto, que expirou em 2006.

O mesmo porta-voz, Bryan Cox, afirmou ainda que o rapper, nomeado para dois prémios Grammy por “Rockstar”, que interpreta com Post Malone, foi condenado por posse de droga em 2014 e foi agora encaminhado para um processo de deportação.

Ao ‘site’ TMZ, a advogada de 21 Savage, Dina LaPolt, disse estarem “a trabalhar de forma diligente” para libertar o artista, ao mesmo tempo que dialogam com as autoridades “para esclarecer qualquer mal-entendidos”.

“O sr. Abraham-Joseph é um modelo para os jovens no país, especialmente em Atlanta, e trabalha ativamente com programas comunitários para ajudar jovens desfavorecidos no campo da literacia financeira”, acrescentou LaPolt.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.