"Quem tiver uma família com possibilidades financeiras apoia o filho ou a filha e pode ir fazer Erasmus e tem essa experiência, se não tiver essa disponibilidade financeira, é absolutamente impossível com os valores que hoje se pagam [nas bolsas]", disse o presidente do PSD.

Rui Rio reuniu-se esta tarde, em Coimbra, com estudantes universitários de Erasmus para auscultar alguns dos problemas que os afetam, numa iniciativa que serviu para assinalar o Dia da Europa, que se comemora na quarta-feira.

Depois de ouvir o testemunho de vários estudantes, o presidente do PSD disse aos jornalistas que as "bolsas, ao serem muito baixas, fazem uma discriminação social".

Por outro lado, o dirigente social-democrata considera que é necessário aperfeiçoar as equivalências das cadeiras que há nos diversos cursos.

"Nuns será mais fácil e noutros mais difícil, mas é absolutamente vital que haja essa equivalência", frisou o líder do PSD.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.