O terramoto foi sentido por volta das 19h10 locais, no centro de Itália, inclusive em Roma. O sismo, de magnitude 5,4, foi registrado a 9 km de profundidade na região de Macerata, em Marche (centro), segundo o Instituto Italiano de Geofísica e Vulcanologia.

Não existem ainda informações sobre os danos materiais ou registo de feridos.

Este sismo acontece depois do de 24 de Agosto. Há dois meses, um forte sismo provocou a morte a 297 pessoas e grandes danos materiais na região de Abruzos, também no centro de Itália, especialmente nas localidades de Amatrice, Accumoli e Arquata del Toronto.

Depois do sismo hoje registado, o autarca de L’Aquila disse à imprensa que na zona não ocorreram danos.

Segundo o canal de notícias RAI News, a eletricidade nas zonas afetadas foi interrompida e várias pessoas saíram às ruas em Pescara, Ancona, Arezzo. Em Roma, as portas e janelas de vários edifícios tremeram, o que fez muitas pessoas a abandonarem escritórios e residências.

Acrescenta a Reuters que o primeiro-ministro italiano, Matteo Renzi, está em contacto com a Proteção Civil.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.