"Nas últimas horas, tal como previsto, a tempestade tropical Danielle intensificou-se tornando-se furacão de categoria 1 na escala de Saffir-Simpson", informou o IPMA em comunicado.

A Escala de Saffir- Simpson é tilizada como medida da intensidade de um furacão e varia de 1 a 5, sendo 5 o mais intenso.

Esta tarde, às 15h00, "o centro do furacão Danielle, com uma pressão mínima de 992mb, encontrava-se a 1425 km a oeste dos Açores, mantendo-se aproximadamente na mesma zona geográfica".

Contudo, prevê-se que, no início da próxima semana, possa "deslocar-se lentamente para nordeste".

O IPMA refere ainda que, "desta forma, e com os dados disponíveis até ao momento, o furacão não deverá atravessar o arquipélago dos Açores", mas a sua influência pode "fazer-se sentir no estado do tempo a partir do início da próxima semana, em especial no Grupo Ocidental (com uma probabilidade de 10 a 20%".

"Tendo em conta a distância geográfica e temporal a que o furacão se encontra, existe incerteza relativamente à sua trajetória e respetiva intensidade", é acrescentado.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.