"Na Católica, a segurança de estudantes, docentes e colaboradores é a nossa prioridade. Implementámos um Plano de Contingência e medidas de prevenção que têm garantido a segurança dos membros da comunidade. As medidas tomadas foram objeto de acreditação para obtenção do selo COVID-Safe e COVID-Out e iremos, a partir da próxima semana, disponibilizar nos quatro campi acesso a testes rápidos de antigénios para testagem de membros da comunidade que tenham tido comprovados contactos de risco e estejam assintomáticos", lê-se em comunicado enviado aos alunos e professores, a que o SAPO24 teve acesso.

Além disso, a reitora, Isabel Capeloa Gil, informa que, "nas próximas semanas, concluem-se as avaliações presenciais do primeiro semestre, que estão a decorrer com o acompanhamento de segurança cuidado de todas as faculdades", mas que é "essencial reduzir o potencial de transmissão" da covid-19.

Por isso, "decidiu a Reitoria que o início das aulas do 2º semestre, em todas as faculdades da UCP, ocorrerá em modelo remoto e se manterá neste regime até ao final do período de confinamento", pode ler-se.

A reitora refere ainda que "as avaliações presenciais do primeiro semestre manter-se-ão nos moldes previstos até ao seu final" e que "os campi universitários de Lisboa, Porto, Braga e Viseu manter-se-ão abertos, dando continuidade à atividade de investigação".

Isabel Capeloa Gil apela ainda "ao sentido de responsabilidade individual de cada um para que em conjunto possamos superar aquele que para muitos pode ser o mais difícil combate da sua vida. Sejamos responsáveis e em conjunto suplantaremos os dias negros do presente", remata.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.