As contas do exercício, cujo resultado contrasta com o lucro de 747 mil euros registado na época anterior, foram aprovadas com nove votos contra e 27 abstenções, entre os 151 associados presentes no Auditório do Estádio do Dragão, no Porto.

A AG aprovou também com a mesma votação o Relatório e Contas Consolidadas, que apresentam um resultado líquido negativo de 30,2 milhões de euros (ME), devido ao impacto das contas da FC Porto - Futebol, SAD.

O clube realça que este resultado, que abrange todas as sociedades do universo FC Porto, é melhor em 4,255 ME do que o alcançado no exercício anterior.

Ainda em termos consolidados, o EBITDA - cash-flow operacional medido pelo resultado operacional, líquido de amortizações, perdas de imparidade e provisões - volta a apresentar um valor positivo: 28,67 ME, um aumento na ordem dos 3,7 ME em relação ao exercício anterior.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.