Em conferência de imprensa através de meios digitais, o presidente dos ‘azuis’, Rui Pedro Soares, afirmou que a decisão sobre a realização da partida, agendada para as 20:30 de hoje, no Estádio Nacional, em Oeiras, cabe apenas às autoridades de saúde.

“O Belenenses SAD não pediu o adiamento do jogo, nem ao Benfica, nem à Liga, nem às autoridades de saúde. Não houve pedido, nem recusa, nem acordo. Não houve nada. Isso não aconteceu, nem vai acontecer”, começou por esclarecer o dirigente.

Os resultados dos novos testes PCR serão conhecidos durante a tarde de hoje e, de acordo com Rui Pedro Soares, quem voltar a efetuar um teste com resultado negativo poderá alinhar frente aos ‘encarnados’, dependendo da decisão do delegado de saúde.

“Temos 38 jogadores inscritos. Confiamos em todos e, se os inscrevemos, é porque consideramos que têm valor para jogar. A decisão é das autoridades de saúde, em quem confiamos plenamente. Quando a decisão for tomada, vamos respeitá-la”, disse.

O médio Cafú Phete é um dos jogadores infetados com o novo coronavírus – é já a terceira vez que o sul-africano contrai a doença -, o que provoca algum receio sobre a possibilidade de o surto ter origem na nova variante (Omicron), detetada naquele país africano, de onde o futebolista viajou rumo a Lisboa, no passado dia 18 de novembro.

“Todos os atletas estão vacinados”, realçou o líder da equipa lisboeta, acrescentando: “Há casos com sintomas, mas a maior parte [dos infetados] estão assintomáticos.”

Rui Pedro Soares lembrou ainda a altura em que o Benfica teve um surto no plantel e foi a jogo frente ao Nacional, na última edição da I Liga: “O Benfica pediu o adiamento, o Nacional não aceitou e o jogo realizou-se. Três dias depois, decorreu um Benfica-Belenenses SAD para a Taça de Portugal, o Benfica pediu o adiamento e o Belenenses SAD aceitou. No entanto, veio a ser realizado porque o Marítimo não deu a aprovação para o adiamento. Não temos nada a ver com as decisões tomadas por outros clubes.”

O Belenenses SAD, no 16.º lugar, com oito pontos, tem agendada para hoje a receção ao Benfica, terceiro, com 28, às 20:30, no Estádio Nacional, em Oeiras, em jogo da 12.ª jornada da I Liga de futebol, com arbitragem de Manuel Mota, da associação de Braga.

A covid-19 provocou pelo menos 5.180.276 mortes em todo o mundo, entre mais de 259,46 milhões infeções pelo novo coronavírus registadas desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

Em Portugal, desde março de 2020, morreram 18.393 pessoas e foram contabilizados 1.136.446 casos de infeção, segundo dados da Direção-Geral da Saúde.

A doença é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China.

Uma nova variante foi recentemente detetada na África do Sul e, segundo a Organização Mundial da Saúde, o “elevado número de mutações” pode implicar maior infecciosidade.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.