Os ‘merengues’ tinham superado o Cádiz na quarta-feira (3-0) e igualado o rival madrileno, que não enjeitou a possibilidade de voltar ao topo e colocou-se na frente do marcador, aos 39 minutos, através de uma excelente finalização do argentino Angel Correa.

Ainda sem o português João Félix e o uruguaio Luis Suárez, ambos a recuperar de lesões, as ofensivas dos ‘colchoneros’ voltaram a depender do trio Correa, Marcos Llorente e Yannick Ferreira-Carrasco, que já tinham construído a goleada ao Eibar (5-0), no domingo.

De resto, Llorente, que já tinha feito o passe para Correa no primeiro tento, somou nova assistência, aos 81 minutos, permitindo que o belga Ferreira-Carrasco sentenciasse o segundo triunfo seguido do Atlético na prova.

A formação comandada por Diego Simeone segue na liderança isolada do campeonato, com 73 pontos, à frente de Real Madrid (70), Sevilha (67) e FC Barcelona (65), que tem menos dois jogos e ainda hoje poderá voltar ao ´pódio’, caso vença na receção ao Getafe.

Já o Huesca continua em zona de despromoção, no 18.º e antepenúltimo posto, com 27 pontos.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.