O holandês Arjen Robben (11 minutos), de fora da área, inaugurou o marcador em golo de belo efeito, mas o chileno Alexis Sánchez (30) empatou na recarga a penálti que Neuer tinha defendido.

Após o intervalo, o Arsenal parecia libertar-se do forte domínio adversário, mas o polaco Lewandovski (53), nas costas da defesa, o espanhol Thiago Alcântara (56 e 63), com dois remates certeiros, e Thomas Muller (88), aproveitando erro adversário, praticamente decidiram a eliminatória, num jogo em que os bávaros ainda reclamaram duas mãos na bola em plena área.

A segunda mão disputa-se a 7 de março em Londres.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.