Bruno Lage já não é treinador do Wolverhampton, anunciou este domingo o clube inglês que milita na Premier League e que tem tido um início de temporada conturbado com apenas duas vitórias em nove encontros, o que os coloca no 18.º lugar da liga inglesa, posição de despromoção.

O técnico português chegou a Inglaterra em junho de 2021, apenas com a passagem pelo SL Benfica, onde foi campeão nacional, no currículo, e conseguiu um 10.º lugar na sua primeira temporada, depois de ter chegado a somar registos de forma notáveis que colocaram o Wolves na zona de qualificação europeia, jornadas que valeram a Lage o prémio de Treinador do Mês em janeiro de 2022.

Este fim de semana, a equipa mais portuguesa do Reino Unido - há 10 jogadores portugueses num plantel composto por 27 atletas - perdeu este sábado em Londres, no terreno do West Ham, por 2-0.

No comunicado emitido pelo clube, o presidente, Jeff Shi, afirma que “Bruno é um excelente treinador", sublinhando que “foi um prazer trabalhar com ele e a sua equipa ao longo do seu tempo no Wolves", razão pela qual, diz, é "com muita tristeza que tivemos que tomar uma decisão difícil".

“Sinceramente, não tenho dúvidas sobre a capacidade de Bruno e tenho a certeza de que ele terá sucesso noutros lugares, no entanto, a forma e as atuações da equipa nos últimos meses significam que não temos escolha a não ser agir", afirmou

Os experientes treinadores Steve Davis e James Collins vão preparar a equipa esta semana para a viagem ao Chelsea, na próxima jornada.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.