A seleção dos Camarões, que ergueu pela quinta vez o troféu, meteu ainda no ‘onze ideal’ da CAN2017 o guarda-redes Fabrice Ondoa, o defesa Michael Ngadeu e o próprio avançado Christian Bassogog.

As distinções individuais a jogadores dos Camarões são ainda extensíveis a Benjamin Moukandjo, que foi considerado o melhor jogador da final, marcada pelo golo do avançado emprestado pelo FC Porto ao Besiktas Vicent Aboubakar.

O ex-portista Christian Atsu (Gana), dos ingleses do Newcastle, também integra o ‘onze ideal’ da CAN2017, tal como os jogadores a jogar na Europa Mohamed Salah (Egito), dos italianos da Roma, e Bertrand Traoré (Burkina Faso), dos holandeses do Ajax de Amesterdão.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.