Descontentes pelo facto de a sua equipa não vencer há 12 jornadas seguidas no campeonato, os adeptos, que estiveram a assistir ao encontro num restaurante localizado nas instalações do estádio, contestaram a equipa agora treinada por Meyong Zé e envolveram-se numa acesa discussão.

Com os ânimos exaltados, um adepto confrontou diretamente um elemento da Polícia de Segurança Pública (PSP) que estava junto às barreiras de proteção, motivando a carga policial e acabando por ser atingido na cabeça, da qual a sangrar de forma abundante.

O Vitória de Setúbal encontra-se na zona perigosa da classificação, em 16.º e antepenúltimo lugar, com 30 pontos, quando faltam realizar quatro jornadas para o final da competição.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.