O jogo da Taça Libertadores será o primeiro encontro internacional depois do acidente de 28 de novembro que custou a vida a 71 dos 77 passageiros do avião que transportava a equipa, a equipa técnica, dirigentes e jornalistas para um jogo da final da Taça Sul-americana, na casa dos colombianos do Atlético Nacional.

Será ainda a estreia dos brasileiros na competição e o novo treinador, Vagner Mancini, quer “lembrar os que morreram” ao “jogar bom futebol”. O adversário de terça-feira, o Zulia FC, é também um ‘estreante’.

Depois de ter perdido 19 atletas no acidente, que deixou gravemente feridos outros três jogadores (Follmann, Neto e Ruschel), a equipa conta com 22 novos jogadores, entre eles Artur Moraes, antigo guarda-redes de Sporting de Braga e Benfica.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.