A Chapecoense comunicou hoje a indisponibilidade ao Benfica para realizar essa partida amigável, argumentando que a CBF não a autorizava por existirem jogos oficiais do campeonato brasileiro e da Taça Sul-americana e a impossibilidade de transferência de datas.

De resto, o clube brasileiro emitiu um comunicado no qual dá conta do cancelamento da partida entre as duas equipas, prevista para 22 de julho, no âmbito da Eusébio Cup.

“Atendendo ao estabelecido na cláusula terceira, 3.2, letra ‘h’, do contrato firmado, a Chapecoense solicitou autorização à CBF, mas, conforme documento em anexo, esta alegou que devido à existência de jogos oficiais do campeonato brasileiro e da Copa sul-americana, não será possível a transferência de datas, razão pela qual indeferiu a autorização, o que impossibilita a realização da partida amistosa”, lê-se no comunicado do clube brasileiro.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.