João Almeida (Deceuninck-Quick-Step) e Rúben Guerreiro (EF Education), heróis portugueses no Giro 2020, arrancam a temporada velocipédica na Volta aos Emirados Árabes Unidos (EAU).

João Almeida, 22 anos, ciclista que vestiu a camisola rosa da Volta à Itália em 15 das 21 etapas e conquistou o melhor resultado de um português na prova (4º lugar), será um dos líderes da equipa belga, ao lado do irlandês Sam Bennett.

A única corrida do World Tour da UCI realizada no Médio Oriente, a Volta aos EAR (transmissão na Eurosport), resulta da fusão das Voltas ao Dubai e Abu Dhabi, começa no domingo, 21 e prolonga-se até 27. Será composta por 7 etapas, ao longo e mais de 1000 quilómetros, percorrendo os sete Emiratos. Inclui um contrarrelógio individual de 13 quilómetros, uma etapa de média montanha e outra de alta montanha.

Tadej Pogacar, vencedor do Tour 2020, Mathieu van der Poel, Alejandro Valverde, Vincenzo Nibali, Pascal Ackermann e Adam Yates, vencedor no ano passado, são alguns dos grandes nomes que se perfilham no pelotão.

Na Europa, Rui Costa (UAE Team Emirates), será o único português na 53ª edição da Volta aos Alpes Marítimos e de Var.

Geraint Thomas, Jhonatan Narváez, Jakob Fulgsang, Tao Geoghegan Hart, Dan Martin, Greg van Avermaet e Nairo Quintana são alguns dos grandes nomes na prova onde a montanha dita regras ao longo das três etapas que se desenrolam no sul de França, no sábado.

Rui Costa, ciclista da Póvoa do Varzim, campeão mundial em 2013, vai participar pela 13.ª vez no WorldTour. Já vacinado contra a covid-19, assim como toda a equipa, aos 34 anos aponta baterias para os Jogos Olímpicos de Tóquio, naquela que poderá ser a terceira presença depois de ter estado em Londres e no Rio de Janeiro.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.