O governo austríaco anunciou hoje uma série de medidas para evitar a propagação do novo coronavírus, entre as quais a proibição de eventos em que participem mais de 500 pessoas, ou a determinação que os mesmos sejam à porta fechada.

Para o jogo de quinta-feira, da primeira mão dos oitavos de final, foram vendidos 14.000 bilhetes.

Este jogo é o sexto das competições de clubes que decorrerá à porta fechada, depois de hoje as autoridades da Catalunha terem anunciado igual medida para o embate da Liga dos Campeões entre FC Barcelona e Nápoles, em 18 de março.

Na segunda-feira, a UEFA comunicou também que os jogos da Liga dos Campeões entre Valência e Atalanta, hoje, e Paris Saint-Germain e Borussia Dortmund, na quarta-feira, serão igualmente sem público.

Da Liga Europa, os jogos entre Inter Milão e Getafe e Olympiacos e Wolverhampton serão também sem público nas bancadas.

Entretanto, também hoje, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) comunicou que os jogos da 25.ª jornada das competições profissionais de futebol, marcados para o próximo fim de semana, vão ser disputados à porta fechada.

A epidemia de Covid-19 foi detetada em dezembro, na China, e já provocou mais de 3.900 mortos. Cerca de 113 mil pessoas foram infetadas em mais de uma centena de países, e mais de 62 mil recuperaram.

Portugal regista 41 casos confirmados de infeção, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.