Cristiano Ronaldo foi dispensado dos trabalhos da seleção nacional depois de ter testado positivo à Covid-19, anunciou esta terça-feira a Federação Portuguesa de Futebol. O jogador, de acordo com a SIC Notícias, ainda estará na Cidade de Futebol. A mesma fonte avançou anteriormente que Ronaldo tinha saído, mas ratificou posteriormente a informação.

O capitão da equipa das Quinas está assintomático e em isolamento e não irá defrontar a Suécia, esta quarta-feira no estádio José Alvalade, em jogo a contar para a fase de grupos da Liga das Nações.

"Na sequência do caso positivo os restantes jogadores realizaram novos testes esta terça-feira de manhã, todos com resultado negativo, e estão à disposição de Fernando Santos para o treino desta tarde, na Cidade do Futebol", lê-se na nota publicada pela Federação.

Para além do jogo diante da seleção sueca, CR7 deve falhar os jogos diante do Crotone e Hellas Verona, a contar para a Serie A, com a Juventus, e a estreia da Velha Senhora na Liga dos Campeões frente ao Dynamo Kyiv, todos encontros que acontecerão num prazo de 14 dias, o número de dias que tem sido utilizado como referência para o período de isolamento.

O jogador português publicou nesta segunda-feira na rede social Instagram uma fotografia onde se encontra reunido com os restantes companheiros de seleção. Todavia, não é possível apurar em que data esta foi tirada.

Ronaldo é o terceiro jogador de Portugal a estar infetado com o novo coronavírus. Em relação à convocatória inicial, registou-se a ausência do defesa Mário Rui, que ficou impedido de sair de Itália devido à deteção de vários casos de Covid-19 no plantel do Nápoles. Mais tarde foram identificados no grupo os casos positivos de José Fonte e Anthony Lopes.

Na semana passada, em 7 de outubro, Cristiano Ronaldo e vários outros futebolistas internacionais da Juventus poderão ter desrespeitado as regras de isolamento sanitário por causa da covid-19, tendo as autoridades sanitárias italianas anunciado que notificaram a Justiça dessa situação.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.