A equipa norte-americana só conseguiu se impor nos derradeiros 20 minutos da partida, altura em que surgiram os seus dois golos, o primeiro anotado por Altidore, aos 72, a passe de Clint Dempsey, jogador que anotou o segundo, aos 82.

Oito meses depois da derrota por 4-0 frente à Costa Rica, em San Jose, o que custou o despedimento do treinador alemão Juergen Klinsmann, os norte-americanos, novamente sob o comando de Bruce Arena, conseguiram redimir-se e assegurar a sua 10.ª final na 'Gold Cup' desde 1991.

Este foi ainda o 13.º jogo consecutivo sem perder dos Estados Unidos, a mais longa série de invencibilidade desde 2005, seleção que ainda vai receber no outuno a Costa Rica, no fecho da qualificação para o mundial.

Na final, a equipa norte-americana vai defrontar, em Santa Clara, o vencedor do embate de hoje entre o México e a Jamaica, em partida a ser disputada em Pasadena.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.