Segundo os documentos referentes ao atleta, em posse do clube que disputa da segunda divisão daquele país, Bakery Jatta tem 21 anos e chegou à Alemanha proveniente da Gâmbia, com 16, sem ter representado qualquer clube.

Contudo, de acordo com o jornal desportivo alemão e citando treinadores na Gâmbia, o jovem atuou no país de origem com o nome Bakery Daffeh e é dois anos e meio mais velho do que os seus documentos indicam.

O conhecido jornal germânico acrescenta ainda que o Bakery Jatta atuou em vários clubes da Gâmbia e também pela seleção sub-20, contudo, o Hamburgo já veio defender o seu atleta “exemplar”, deixando claro que “tem o passaporte e a autorização de residência válidos”.

Caso se prove que os documentos não correspondem à verdade, o Bakery Jatta poderá ver a permissão de residência em solo alemão cancelada, bem como ser alvo de uma suspensão por parte da federação.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.