O limiano vai competir em K1 500, 1.000 e 5.000, distancias nas quais obteve duas medalhas de ouro e uma de prata (500) na recente Taça do Mundo da Hungria.

“O nosso objeto passa em primeiro lugar por melhorar os registos feitos na Taça do Mundo, garantir o lugar o maior número de Finais A e se possível lutar pelas medalhas”, disse à Lusa o diretor técnico nacional Ricardo Machado.

Em K1 1000, Fernando Pimenta foi campeão da Europa em 2016 e 2017, sendo prata mundial em 2017 e bronze em 2015.

A seleção, que conta com nove homens, três deles a competir em canoas, e quatro mulheres, integra as também olímpicas Teresa Portela e Joana Vasconcelos que em Szeged foram bronze em K2 500.

“Não será fácil, pois o Europeu é sempre muito forte, com grande parte dos melhores do mundo, mas estamos confiantes em bons resultados. Felizmente temos canoístas com grande valor, com enorme ambição que os faz ombrear sempre com os outros melhores do mundo”, completou o dirigente.

A seleção parte terça-feira para Belgrado.

O ponto alto da época são os Mundiais que vão decorrer de 22 a 26 de agosto em Montemor-o-Velho.

Seleção de Portugal:

- 200 metros:

K1 Hugo Rocha.

K1 Francisca Laia.

K2 Teresa Portela/Joana Vasconcelos.

C1 Hélder Silva.

- 500 metros:

K1 Fernando Pimenta.

K2 Teresa Portela/Joana Vasconcelos.

K4 João Ribeiro/Emanuel Silva/Messias Batista/David Varela.

K4 Teresa Portela/Joana Vasconcelos/Francisca Laia/Márcia Aldeias.

C1 Hélder Silva.

C2 Bruno Afonso/Marco Apura.

- 1000 metros:

K1 Fernando Pimenta.

C2 Bruno Afonso/Marco Apura.

- 5.000 metros:

K1 Fernando Pimenta.

C1 Marco Apura.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.