Hamilton, que esteve sempre no comando, cortou a meta atrás do ‘safety car’, que entrou em pista a duas voltas do final, à frente do holandês Max Verstappen (Red Bull), segundo classificado, e do tailandês Alexander Albon (Red Bull), que foi terceiro.

O britânico conquistou a 95.ª vitória da carreira, chegando aos 332 pontos no campeonato, contra 201 do segundo colocado, o finlandês Valtteri Bottas (Mercedes), que hoje foi apenas oitavo, numa prova marcada por uma longa interrupção, devido ao violento despiste do francês Romain Grosjean (Haas), sem consequências físicas graves para o piloto.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.