A comissão de diálogo social do futebol profissional vai integrar Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF), Associação Nacional de Treinadores de Futebol (ANTF) e Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF), tendo em vista o “reforço do entendimento entre as partes”.

Os presidentes das quatro entidades, Pedro Proença (LPFP), Joaquim Evangelista (SJPF), José Pereira (ANTF) e Luciano Gonçalves (APAF), acordaram criar este “espaço de diálogo próprio, onde os temas relacionados com a atividade profissional serão tratados de forma concertada”, segundo comunicado divulgado hoje pela LPFP.

Esta estrutura vai reunir-se trimestralmente, “em função dos interesses e objetivos comuns no âmbito da gestão do futebol profissional, relacionando as sociedades desportivas, os jogadores, os treinadores e os árbitros”.

“As quatro entidades promoverão novas dinâmicas no futebol profissional, unindo-se em torno de programas e projetos com vista à valorização, promoção e desenvolvimento da modalidade e da relação com a comunidade”, acrescentou o comunicado.

Na declaração conjunta, estas entidades “apelam a todos os intérpretes e agentes desportivos para o exercício das melhores práticas de governação, respeito e defesa de valores como o fair-play e a integridade no futebol”.

“Por fim, expressam votos de que a época 2017/18 seja mais um grande exemplo de sucesso desportivo, de grande competitividade, talento e emoção, de modo a confirmar a competência de todos os seus protagonistas”, remata o comunicado.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.