Em Gondomar, os ‘dragões’, que chegaram à final após a falta de comparência do Benfica nas meias-finais, marcaram por Gonçalo Alves, aos dois minutos, Hélder Nunes, aos quatro, Reinaldo Garcia, aos 35, e Jorge Silva, aos 36.

A formação tomarense, que eliminou a Física de Torres Vedras nas ‘meias’, ainda reduziu a desvantagem, por Joka, aos 45, antes de Vítor Hugo fixar o resultado para os ‘azuis e brancos’, aos 49.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.