“O João está a melhorar dia após dia. Ontem [domingo] já realizámos um treino competitivo. Agora nunca se sabe como é que o tornozelo reage a intensidade de um encontro inteiro”, ressalvou o treinador do número um português e 59.º colocado no ‘ranking’ ATP, em declarações à agência Lusa.

Depois da fratura de esforço no pé esquerdo, que o obrigou a terminar a época de 2019 mais cedo do que o previsto, João Sousa, de 30 anos, contraiu uma entorse mesmo antes de iniciar a viagem para a Nova Zelândia, onde hoje à noite vai disputar o primeiro encontro da época frente ao 146.º classificado da hierarquia mundial.

“Vamos entrar com a intenção e a vontade de vencer como em todas as semanas. Se vamos a jogo é porque acreditamos que temos condições de vencer e avançar no torneio”, assegurou Frederico Marques.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.