Quando o capitão da seleção portuguesa foi a jogo, aos 70 minutos, já o resultado estava feito, com o francês Rabiot (39) e o espanhol Morata, aos 57 e 60, este de penálti, a responderem pela ‘vecchia signora’ ao golo inaugural do argentino Joaquin Correa, aos 14.

Após o jogo da 26.ª jornada, a campeã Juventus é terceira classificada, com 52 pontos, a um do AC Milan e a sete do líder Inter.

Sem Cristiano Ronaldo, De Ligt, Chiellini, Betancour e McKennie, todos titulares no Estádio do Dragão, por opção ou problemas físicos, a Juventus foi dominada no primeiro tempo, pelo que se justificou o tento de Correa, a ‘dançar’ em frente ao turco Demiral, antes de rematar certeiro.

Ainda assim, Rabiot empataria quando surgiu com espaço na esquerda, rematando com pouco angulo, mas beneficiando da pouco eficaz reação do guarda-redes espanhol Reina.

Foi após um contra-ataque de Chiesa que Morata surgiu em velocidade e, apertado, rematou para o 2-1, antes de fazer o terceiro, ao converter um penálti por falta sobre Ramsey.

Na terça-feira, a equipa treinada por Andrea Pirlo vai tentar dar a volta ao 2-1 sofrido no Estádio do Dragão na primeira mão, ante o FC Porto, treinado por Sérgio Conceição.

Também hoje, a Udinese ganhou ao Sassuolo por 2-0 e subiu ao 10.º lugar, com 32 pontos, a quatro do nono, ocupado precisamente pelo seu adversário, que não vence há três desafios.

Spezia e Benevento, que andam a alternar empates e derrotas nas últimas jornadas, empataram 1-1 e continuam juntos, no 14.º lugar, seis pontos acima da ‘linha de água’.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.