Segundo uma nota da autarquia, o evento, que se inicia pelas 17:00 nos Paços do Concelho, é o “culminar de um caminho de reflexão, maturação e desenvolvimento, levado a cabo pelo município e por um conjunto alargado de parceiros estratégicos ao longo do último ano”.

Isto porque o presidente do município, Fernando Medina, entregará ao presidente da Associação das Capitais Europeias do Desporto, Gian Francesco Lupatelli, o dossiê da candidatura, arquivo que “integra um conjunto alargado de documentos e estudos científicos que visam explanar, de forma efetiva, a história e a relação estrutural da cidade de Lisboa com o desporto e com a atividade física”.

“A documentação a ser submetida inclui o testemunho de vários agentes da cidade, bem como a história do desporto e a oferta desportiva de Lisboa, os grandes eventos desportivos, a comissão de honra da candidatura e outra informação que retrata a visão do município para 2021”, precisa a autarquia.

Caberá à Associação das Capitais Europeias do Desporto analisar a documentação. É esta entidade que atribui o título.

Segundo a Câmara de Lisboa, a ocasião será também dedicada à celebração de protocolos de cooperação estratégica com o Governo e instituições governamentais, como o Ministério da Educação, a secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior e a Direção-Geral de Saúde.

O objetivo é “acrescentar valor à visão do município para o desporto e reforçar a estratégica definida de posicionar Lisboa ao nível das cidades de referência no panorama desportivo internacional”, isto ainda no âmbito da candidatura a Capital Europeia do Desporto.

Estando a autarquia “consciente da capacidade transformadora das gerações mais jovens” vai ainda aproveitar o evento para divulgar os vencedores da terceira edição das Olisipíadas, iniciativa municipal que visa proporcionar a crianças e jovens, dos seis aos 14 anos, competições em mais de 12 modalidades desportivas.

Em novembro passado, o vereador do Desporto recebeu uma comitiva da Associação das Capitais Europeias do Desporto e classificou, na ocasião, a candidatura como um “caminho fascinante”.

“São oito meses de intenso trabalho, mas um trabalho mais de mobilização, de recolha de visões para construção de um plano estratégico para a nossa cidade a quatro anos”, disse Jorge Máximo (PS), em declarações à Lusa à margem da ocasião.

A candidatura tem de ser entregue até 30 de junho e os vencedores serão anunciados a 15 de novembro, no Parlamento Europeu.

Também Haia, capital da Holanda, será candidata à Capital Europeia do Desporto 2021.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.