Luís Costa, que na terça-feira foi sétimo classificado no contrarrelógio, conseguiu assim o seu segundo diploma nos Jogos Paralímpicos Tóquio2020, o 12.º para Portugal.

O ciclista algarvio conclui a prova a 36 segundos do vencedor, o holandês Mitch Valize (2.24.30), que conseguiu o ouro graças a um ataque nos últimos 250 metros da prova, composta por seis voltas de 13,2 quilómetros cada ao Autódromo Internacional de Fuji.

O francês Loic Vergnaud conquistou a prata e o holandês o bronze.

Luís Costa terminou hoje a sua participação nas provas de ciclismo dos Jogos Tóquio2020, enquanto o outro ciclista luso em competição, Telmo Pinão, participa quinta-feira na prova de estrada para as classes C1-C3.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.