O português conseguiu a sua melhor marca à segunda tentativa, depois de ter começado o concurso com 17,02 metros.

Nelson Évora ficou apenas atrás dos norte-americanos Christian Taylor e Will Claye.

Esta foi a quarta medalha de Nelson Évora em Mundiais, repetindo o bronze de há dois anos, em Pequim, depois de ter sido campeão em 2007 e medalha de prata em 2009.

Na primeira ronda de saltos, o português ficou em quarto lugar, com um salto de 17,02 metros. O norte-americano Will Claye ficou em primeiro lugar, com um salto de 17,54 metros, seguido do azeri Alexis Coppelo (17,16 metros) e do cubano Andy Díaz (17,13 metros).

Já na segunda ronda, conseguiu um melhor salto (17,19 metros), o que o deixou na terceira posição.

O português, de 33 anos, chega a esta final depois de ter sido o sexto melhor nas eliminatórias, tendo obtido como melhor marca 16,94 metros que lhe permitiu o lugar na final dos Campeonatos do Mundo de Atletismo, em Londres.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.