Mesmo privada do seu melhor marcador, o extremo Kevin Durant, devido a lesão, a equipa de Oakland impôs-se por 4-2 nas meias-finais da respetiva conferência, sem ter necessidade de disputar um sétimo encontro, eliminando os Rockets pela quarta vez em cinco anos.

Os Warriors vão disputar pela quinta vez consecutiva a final da Conferência Oeste, referente às meias-finais da NBA, frente ao vencedor do embate entre os Portland Trail Blazers e os Denver Nuggets, equipas que estão empatadas 3-3 e disputam no domingo a sétima e decisiva partida.

Os visitantes não se ressentiram da ausência de Durant, muito por força da sensacional segunda parte protagonizada por Stephen Curry, que marcou a totalidade dos seus 33 pontos naquela fase do jogo, depois de Klay Thompson se ter revelado decisivo para o empate 57-57 ao intervalo, ao anotar 21 dos 27 pontos na metade inicial.

James Harden, melhor marcador da NBA na época 2018/19, terminou também como o mais concretizador do encontro, com 35 pontos, bem secundado pelo colega de equipa Chris Paul, autor de 27, que se revelaram insuficientes para evitar a derrota e a eliminação dos Rockets.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.