Quaresma recebeu dois cartões amarelos no espaço de dois minutos, aos 41 e 43, mas o Besiktas esteve em inferioridade numérica por pouco tempo, pois Neto foi expulso aos 45, com cartão vermelho direto, numa altura em que o Fenerbahçe vencia por 1-0, graças a um golo do brasileiro Giuliano, aos 20, de grande penalidade.

O Besiktas ficou reduzido a nove jogadores quando o canadiano Atiba Hutchinson foi expulso, aos 85 minutos, por cometer grande penalidade, que o holandês Vincent Janssen concretizou, aos 86, mas o compatriota Ryan Babel reduziu de imediato, aos 87, e as duas equipas ficaram em igualdade numérica aos 88, na sequência da expulsão do turco Ismail Koybasi.

O internacional português Pepe foi totalista na defesa do bicampeão turco, que venceu por 3-1 no Estádio do Dragão, no arranque do grupo G da Liga dos Campeões, e se manteve em igualdade pontual com o Galatasaray na liderança da prova, mas o rival ainda não cumpriu o jogo da sexta jornada.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.