"Na sequência da informação facultada e da avaliação de risco face aos resultados obtidos em teste de pesquisa de SARS-CoV-2 [novo coronavírus], no cumprimento das competências atribuídas às autoridades de saúde, foi decidido pelas autoridades de saúde dos níveis nacional, regional e local, não estarem reunidas as condições necessárias para a realização do jogo do dia 19 de setembro de 2020 [sábado]", lê-se no comunicado hoje emitido pelo organismo.

A decisão foi tomada após terem sido detetados oficialmente oito casos de covid-19 no Sporting - sete jogadores e um elemento da estrutura - e, segundo a ARS Norte, 19 no Gil Vicente, mais quatro do que os até agora anunciados pelo clube de Barcelos - 11 em futebolistas e oito na restante estrutura, incluindo o treinador principal, Rui Almeida.

A ARS Norte refere, no comunicado, que o Agrupamento de Centros de Saúde Barcelos/Esposende detetou o primeiro caso positivo de covid-19 no plantel gilista em 08 de setembro, tendo iniciado os procedimentos "preconizados nas orientações técnicas da Direção-Geral da Saúde (DGS)", nomeadamente "a investigação epidemiológica, com a identificação dos contactos, a avaliação do risco da exposição e a determinação das medidas de saúde públicas necessárias e adequadas".

Na sequência desses contágios, o plantel do Gil Vicente viu cancelado o jogo de pré-temporada com o Vitória de Guimarães, agendado para o passado sábado, entrou em quarentena entre domingo e terça-feira e não pôde treinar hoje, por falta de autorização das autoridades de saúde.

Também no Sporting verificaram-se casos de contágio, tendo os primeiros três obrigado ao cancelamento do jogo dos Cinco Violinos do passado domingo frente aos italianos do Nápoles.

As autoridades de saúde "continuarão a acompanhar a evolução desta situação e a desenvolver as medidas de saúde pública consideradas necessárias, em articulação com as entidades gestoras", refere ainda o comunicado.

O jogo entre Sporting e Gil Vicente, agendado para as 18:30 de sábado, no Estádio José Alvalade, em Lisboa, é o primeiro do principal campeonato português a ser adiado devido à pandemia de covid-19, depois dos embates da II Liga, entre Feirense e Desportivo de Chaves, na passada sexta-feira, e entre Académico de Viseu e Académica, no passado sábado, terem sido adiados pela mesma razão.

A pandemia de covid-19 já provocou pelo menos 941.473 mortos e mais de 29,9 milhões de casos de infeção em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.888 pessoas dos 66.396 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.