Na conferência de antevisão ao jogo da 14.ª jornada do campeonato, Petit constatou que o Paços de Ferreira tem jogado praticamente como visitante desde a sua chegada ao clube (as exceções foram o Estoril-Praia em outubro, o Sporting em novembro e será o Boavista em dezembro), mas deu conta de uma equipa preparada para reagir no domingo.

“Vamos encontrar uma equipa difícil em casa, que em seis jogos tem quatro vitórias, um empate e uma derrota. É uma equipa que sofre poucos golos em casa, mas nós temos de reagir a estes dois resultados com o Sporting e o Braga e reagir é ir fazer um bom resultado dentro daquilo que trabalhamos esta semana, com o objetivo de disputar os três pontos. Queremos muito ir buscar a nossa primeira vitória fora”, disse Petit.

A esperança de ser feliz na visita ao Restelo pouco tem a ver com a estatística dos confrontos entre as duas equipas ou a vantagem pacense mesmo como visitante [o Paços soma seis vitórias contra cinco do Belenenses, em 15 jogos para a I Liga, e não perde no Restelo desde 2007/08, com um golo de Roncatto, que mais tarde representaria os pacenses].

“A estatística vale o que vale, são jogos diferentes, jogadores diferentes, momentos diferentes. Agora, sabemos que o Belenenses vem de três jogos sem ganhar, tal como nós, mas queremos reagir, como eu disse, e para isso temos de ser uma equipa adulta, compacta e atrevida dentro do que trabalhámos esta semana, sendo audazes em termos ofensivos e muito solidária em termos defensivos, e disputar o jogo pelo jogo”, insistiu.

Na perspetiva do treinador pacense, cujo registo na formação pacense mostra uma vitória, na estreia [1-0 ao Estoril-Praia], e três derrotas, “as coisas mudam com uma vitória fora” e, nesse sentido, reafirmou os princípios para devolver as vitórias ao Paços.

“Temos de ser uma equipa adulta, uma equipa muito concentrada, solidária, saber os momentos do jogo quando temos bola e quando não temos, quando temos de atacar, quando temos de sofrer sem ela. Por isso, amanhã [domingo], temos todas as condições para fazer um bom resultado, mudar o ‘chip’, reagirmos a estes últimos resultados e, depois, aí, começarmos a engrenar e a fazer pontos, que é o mais importante”, concluiu.

O Paços de Ferreira, no 14.º lugar, com 12 pontos, defronta o Belenenses, 10.º classificado, com 16, no Estádio do Restelo, no domingo, a partir das 18:00, num jogo da 14.ª jornada da I Liga.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.