O golfista transalpino, de 33 anos, assumiu o comando da 15.ª edição da prova portuguesa, dotada de 1,5 milhões de euros em prémios monetários, ao final dos primeiros 18 buracos e, concluída a segunda volta, conseguiu manter o comando com um agregado de 130 pancadas (61+69), duas de vantagem sobre o quarteto que partilha o segundo lugar.

Além do espanhol Adri Arnaus que se manteve na segunda posição, Bertasio vai partir para a terceira ronda também sob a vigilância apertada do belga e jogador da seleção europeia da Ryder Cup em 2016, Thomas Pieters, do dinamarquês Lucas Bjerregaard, campeão do Portugal Masters em 2017, e do francês Matthieu Pavon.

Além dos principais favoritos, o penúltimo torneio da temporada do European Tour vai contar com a presença dos profissionais portugueses Ricardo Santos, Vítor Lopes e Tomás Gouveia, que vão disputar os derradeiros 36 buracos.

Enquanto Lopes e Gouveia vão estrear-se no lote de finalistas em Vilamoura, Ricardo Santos vai lutar para deixar o 30.º lugar e ascender no ‘leaderboard’, por forma a tentar alcançar uma posição mais confortável na corrida pela manutenção no European Tour na próxima época.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.