Foi troca por troca. A muito falada saída de Alexis Sánchez do Emirates Stadium finalmente tornou-se oficial, com o chileno a rumar para o Manchester United orientado pelo português José Mourinho. No mesmo momento o Arsenal anunciou que, em sentido inverso, o arménio  Henrikh Mkhitaryan chegava a Londres.

Os sites de ambos os clubes dão conta do negócio como realizado através de uma troca direta de atletas não sendo mencionado, em nenhum dos comunicados, qualquer outra verba envolvida.

Um ano depois de ter chegado a Old Trafford, proveniente do Borussia Dormtund, numa transferência avaliada em 42 milhões de euros, Henrikh chega a Londres "muito feliz" por ter finalmente chegado a um acordo com o clube orientado por Arséne Wenger. "É um sonho tornado realidade, sempre quis jogar pelo Arsenal. Agora que aqui estou farei o meu melhor para fazer história", disse o arménio ao site dos gunners.

O técnico francês classifica o médio como "um jogador completo". "Ele cria oportunidades, ele defende bem, ele consegue encurtar distâncias e é um jogador muito comprometido. É muito completo", sublinha Wenger.

A 338 quilómetros de distância, em Manchester, Alexis confessou-se "entusiasmado por se ter juntado ao maior clube do mundo".

Depois de três temporadas e meia no norte de Londres, Alexis Sanchez - que chegou no verão de 2014 do FC Barcelona por 35 milhões de libras (cerca de 40 milhões de euros) - coloca um fim à sua carreira como ‘gunner’ para se juntar ao red devils de José Mourinho.

"Passei três anos e meio incríveis no Arsenal e levo comigo muitas memórias de um grande clube e de grandes adeptos", disse o chileno antes de assumir o entusiasmo em jogar em Old Trafford e de ser orientado por José Mourinho, "algo que não se pode recusar", sublinhou. "Estou muito orgulhoso por ser o primeiro chileno a jogar pelo United e espero conseguir demonstrar aos adeptos de todo o mundo a razão pela qual me quiseram contratar".

Para o treinador português, Sanchez é "um dos melhores atacantes do mundo" que chega para completar  uma equipa "jovem e talentosa". "Ele vai trazer ambição e personalidade ao clube", sublinhou Mourinho.

A troca de Alexis por Henrikh representam as primeiras aquisições no mercado de inverno de ambos os emblemas. O Manchester United ocupa atualmente a segunda posição do campeonato inglês, com 53 pontos. Já o Arsenal, a fazer uma época aquém das expectativas, está atualmente no sexto posto com 42 pontos.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.