O'Sullivan, de 43 anos, atingiu a histórica marca no último jogo da final, na qual se impôs por 10-4 ao australiano Neil Robertson, optando por jogar a bola que lhe permitiu ultrapassar os 100 pontos com a mão esquerda, perante os ruidosos aplausos do público presente no recinto, em Preston, Inglaterra.

O escocês Stephen Hendry, já retirado, é o segundo jogador com mais entradas centenárias (embolsar, consecutivamente, as bolas necessárias para totalizar 100 ou mais pontos), com 775, muito longe do pentacampeão mundial de snooker.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.