A derrota, na estreia, por 24-9, frente ao jovem Adrian Vicente Yunta deixava a continuidade do vimaranense em prova nas mãos do espanhol, que acabou por cair ao segundo combate, por 24-19, ante o sul-coreano Jang Jun, atual campeão do mundo e líder do ‘ranking’ da categoria.

Para o português de 29 anos poder disputar um dos dois bronzes, Yunta precisava de chegar à final no Makuhari Messe Hall A, sendo que, posteriormente, Rui Bragança tinha de ganhar ao segundo adversário do espanhol – o coreano que o eliminou –, além da luta que decidiria o terceiro posto.

Rui Bragança, o segundo mais velho entre os 16 participantes na sua categoria, e que hoje disse que vai tentar qualificar-se para Paris2024, tinha sido nono no Rio2016 após ganhar um combate.

[Notícia atualizada às 09h35]

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.