"Parabéns, Kansas City Chiefs pelo grande jogo e por uma reviravolta fantástica, debaixo de imensa pressão. Vocês representam tão bem o grande estado do Kansas e, de facto, todos os EUA. O vosso país está orgulhoso de vocês", escreveu Trump.

A gafe foi entretanto corrigida num novo tweet onde pode ler-se: Parabéns aos Kansas City Chiefs pelo grande jogo e fantástica revoravolta, debaixo de imensa pressão. Estamos orgulhosos de vocês e do grande estado do Missouri. Vocês são verdadeiros campeões".

Apesar de prontamente apagado e corrigido, o tweet original de Trump foi alvo de críticas nas redes sociais.

Os Kansas City Chiefs conquistaram no domingo pela segunda vez, 50 anos depois, o Super Bowl, sagrando-se campeões da Liga norte-americana de futebol americano (NFL), ao baterem os San Francisco 49ers por 31-20, em Miami.

A formação comandada pelo treinador Andy Reid e liderada em campo pelo quarterback Patrick Mahomes esteve a perder por 20-10 no 54.º Super Bowl, já em pleno quarto período, num embate que chegou empatado a 10 ao intervalo.

O conjunto de Kansas City repetiu o sucesso de 1970, ano em que venceu os Minnesota Vikins por 23-7, na segunda presença no Super Bowl, três anos após o desaire por 35-10 face aos Green Bay Packers.

O SAPO24 viu o jogo com fãs da bola oval — que afinal não é boa bem é má. Leia aqui a reportagem de Miguel Morgado.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.