A um dia da final entre os dois clubes, na 80.ª edição da Taça de Portugal, em jogo agendado para o Estádio Cidade de Coimbra, o médio Danilo sublinhou em entrevista à Federação Portuguesa de Futebol (FPF) a vontade de ter mais um título.

“Toda a gente sabe a importância de disputar este tipo de jogos, ainda para mais frente a um rival. Vai ser um jogo bem disputado, em que vamos querer ganhar para juntar este título ao campeonato”, sublinhou o médio portista.

Em contraponto, o central brasileiro Jardel vê na final da Taça uma oportunidade para alegrar os adeptos benfiquistas, numa época que terminou com a equipa em segundo lugar, depois de uma má campanha na segunda metade da época.

“Queremos estar à altura dos acontecimentos. Fazer um bom jogo, à altura daquilo que o Benfica merece. Queremos muito dar uma alegria a toda a nação benfiquista”, disse o defesa ‘encarnado’.

O central entende que esta é a oportunidade de “fechar a época da melhor forma” e reitera a vontade de todos em “dar uma grande alegria” aos adeptos, enquanto do lado portista, Danilo quer vencer um troféu que lhe tem escapado.

“É uma Taça que todos desejam disputar e que sonham um dia ganhar. Já joguei a final por duas ocasiões e não consegui ganhar, espero que à terceira seja de vez e que consigamos levantar a Taça de Portugal”, assinalou o médio.

Danilo foi finalista vencido nas finais perdidas pelo FC Porto em 2015/16, com o Sporting de Braga, e na última época, diante do Sporting.

Ainda hoje, os treinadores de Benfica e FC Porto, Nélson Veríssimo e Sérgio Conceição, respetivamente, darão as habituais conferências de imprensa de lançamento do jogo, acompanhados de um jogador de cada uma das equipas.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.