O alemão, que somou o 53.º sucesso da carreira, bateu o companheiro de equipa, o monegasco Charles Leclerc (Ferrari), por 2,641 segundos, com o holandês Max Verstappen (Red Bull) a fechar o pódio, a 3,821 do vencedor.

Lewis Hamilton (Mercedes) foi quarto e solidificou a liderança do Mundial, passando a somar 296 pontos, mais 65 do que o segundo, o seu companheiro de equipa e finlandês Valtteri Bottas, quinto em Singapura, palco da 15.ª prova da temporada.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.