A etapa, entre Saint-Palais e Urdax-Dantxarinea (180 quilómetros), foi dominada por uma extensa fuga, em que Iturria foi o melhor, surpreendendo os seus companheiros de escapada a 20 quilómetros do final.

O esloveno Primoz Roglic (Jumbo-Visma) entrou no pelotão, a 18.15 minutos de Iturria, pouco preocupado com o avanço de quem ia na fuga – só ciclistas mal classificados na geral.

Na tirada, disputada nos Pirenéus franceses e Navarra, o segundo, a seis segundos de Iturria, foi o espanhol Jonathan Lastra (Caja Rural), à frente do norte-americano Lawson Craddock (EF-Education First).

A 12.ª etapa, na quinta-feira, leva a caravana entre o circuito de Navarra e Bilbau, em 171,4 quilómetros. Haverá três subidas de terceira, mas concentradas nos últimos 30 quilómetros, o que ‘promete’ alguma animação.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.