Os 'hammers' estão invictos, com seis pontos, tal como Chelsea, Liverpool, Brighton e Tottenham, mas estão melhores nos fatores de desempate da prova.

Com efeito, Liverpool, Chelsea e West Ham estão com uma diferença de cinco golos, mas este últimos demonstram mais poder ofensivo, com oito golos marcados - ganharam 4-2 ao Newcastle na primeira jornada.

Reduzido a 10 ainda antes do intervalo, por expulsão de Ayoze Pérez, o Leicester não teve força para suster no segundo tempo o ataque do adversário.

O jogo que opôs o sexto ao quinto do último campeonato confirmou duas equipas em bom momento, com jogo equilibrado na primeira parte.

O West Ham abriu a contagem aos 26 minutos, com um fulgurante contra-ataque lançado por Declan Rice e concluido por Pablo Fornals.

Saïd Benrahma fez o 2-0 aos 56 minutos e os 'foxes' ainda reduziram aos 69, por Youri Tielemans.

Na parte final da partida, mais dois golos da equipa da casa, marcados por Michail Antonio (80 e 88), que assim se torna o melhor marcador de sempre do clube na Premier League, com 49 golos.

O português Ricardo Pereira, que viu cartão amarelo, foi titular na defesa do Leicester.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.