Correia de Campos, que falhou uma primeira eleição para o cargo a 20 de julho, conseguiu agora assegurar o número mínimo de votos necessários. Se tivesse obtido 145 votos, ou seja, menos um, teria voltado a não ser eleito.

Segundo fonte parlamentar, na votação para o cargo de presidente do CES, que decorreu durante a manhã na Assembleia da República, registaram-se ainda 54 votos brancos e 19 nulos.

Esta manhã decorreram ainda eleições para o Conselho de Opinião da Rádio e Televisão de Portugal, tendo sido eleitos Pedro Lomba, Ribeiro Cristovão, Jose Luís Mendonça, Vítor Hugo Pinho, Estrela Serrano, José Manuel Guinote, Maria Emília Brederote dos Santos, Diogo Belford, Fernando Correia e Diana Andringa.

Para o Conselho de Opinião da Rádio e Televisão de Portugal votaram 219 deputados, tendo sido registados 193 votos favoráveis, 19 brancos e 7 nulos.

Para a Comissão de Acesso aos Documentos Administrativos foram eleitos Carlos Abreu Amorim e Pedro Delgados Alves, que obtiveram 157 votos favoráveis. Entre os 219 votantes, registaram-se ainda 55 votos brancos e 7 nulos.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.