Na nota enviada à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a EDP anunciou que vendeu à Connor, Clark & Lunn Infrastructure, através da sua subsidiária EDP Renováveis, uma “participação acionista de 80% de um portfólio eólico e solar localizado nos Estados Unidos”.

“O valor total da transação corresponde a um ‘enterprise value’ [valor da empresa] de 676 milhões de dólares (cerca de 570 milhões de euros), pela participação de 80%”, adianta ainda, acrescentando que “a transação está sujeita a condições regulatórias e outras condições precedentes”.

O comunicado revela também que, com a transação anunciada, a EDP Renováveis “já executou mais de 55% do objetivo de 4 mil milhões de euros de rotação de ativos para o período de 2019-22, como anunciado na ‘strategic update’ [atualização da estratégia] de 12 de março de 2019″.

“A venda de participações maioritárias em projetos operacionais ou em desenvolvimento permite à EDP Renováveis acelerar a criação de valor, enquanto recicla capital para reinvestir em crescimento rentável”, conclui.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.