A administração será constituída por 11 membros, a maioria deles serão administradores não executivos independentes, lê-se num comunicado conjunto.

A Fiat Chrysler (FCA) e seu principal acionista, a holding Exor, da família Agnelli, nomeou cinco membros (incluindo John Elkann como presidente), enquanto o grupo francês PSA e dois de seus principais acionistas elegeram outros cinco elementos (incluindo o vice-presidente e o administrador sénior independente).

O presidente executivo da Stellantis, o português Carlos Tavares, também fará parte do conselho de administração, sendo que os outros oito administradores são Henri de Castries (administrador sénior independente), Andrea Agnelli, Fiona Clare Cicconi, Nicolas Dufourcq, Ann Frances Godbehere, Wan Ling Martello, Jacques de Saint-Exupéry e Kevin Scott, todos admnistradores não executivos.

Henri de Castries, nomeado para administrador sénior independente foi presidente executivo da seguradora francesa Axa e no final de 2017 entrou para o fundo de investimento norte-americano General Atlantic.

Os dois grupos do setor automóvel esperam que o projeto esteja pronto no final do primeiro trimestre de 2021.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.