O resultado líquido quase quadruplicou face aos 71 milhões de euros de 2020.

“Face ao crescimento dos negócios e ao sucesso da gestão ativa de portefólio, o resultado líquido da Sonae (atribuível a acionistas) atingiu 268 milhões de euros, ficando acima dos valores de 2020 e 2019 e sendo o valor mais elevado dos últimos oito anos”, refere a Sonae, em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

No período em análise, o volume de negócios aumentou 5,3% e “atingiu recorde superior a sete mil milhões de euros”.

O resultado antes de impostos, juros, depreciações e amortizações (EBITDA) cresceu 18,4% para 738 milhões de euros e o EBITDA subjacente evoluiu 4,5% para 603 milhões de euros.

“No último exercício, a Sonae investiu um total de 474 milhões de euros, com o capex operacional a crescer 5,8% para 279 milhões de euros”, adianta a Sonae.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.