Em comunicado, o BdP adiantou que o pedido de cessação de funções de Carlos Albuquerque tornou-se efetivo na terça-feira e que Luís Costa Ferreira assumirá o cargo no próximo dia 15.

O supervisor bancário acrescentou que, no âmbito das normas de conduta e das correspondentes normas europeias, foi imposto a Carlos Albuquerque um “período de transição durante o qual não poderá assumir funções em instituições financeiras sob a supervisão do Banco de Portugal e do Mecanismo Único de Supervisão”.

“Durante este período, o Dr. Carlos Albuquerque desempenhará funções, em regime de destacamento, num projeto externo de solidariedade social, ligado ao tema do sobre-endividamento”, lê-se no comunicado.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.