O comportamento da taxa de desemprego para o conjunto de 2016 ficou assim em linha com o esperado pelos analistas contactados pela Lusa, que apontavam para que se situasse entre os 11% e os 11,1%.

Em 2015, a taxa de desemprego ficou nos 12,4%.

No Orçamento do Estado para 2017, o Governo estimava que a taxa de desemprego se fixasse em 11,2% em 2016 e que baixasse para os 10,4% este ano.

O comunicado do INE informa que "a população desempregada, estimada em 573,0 mil pessoas em 2016, diminuiu 11,4% em relação ao ano anterior (menos 73,5 mil)".

A taxa de desemprego do 4.º trimestre de 2016 foi de 10,5%, valor que se manteve inalterado face ao do trimestre anterior e é inferior em 1,7 pontos percentuais face ao mesmo período de 2015.

Segundo os cálculos divulgados pelo INE, a população desempregada registou uma diminuição trimestral de 1,2%, fixando-se nas 543,2 mil pessoas. A redução em termos homólogos foi de 14,3% (menos 90,7 mil).

A população empregada, estimada em 4. 643,6 mil pessoas, registou um decréscimo trimestral de 0,4% (menos 17,9 mil) e um acréscimo homólogo de 1,8% (mais 82,1 mil), informa ainda o INE.

De referir que nestas estimativas foi considerada a população com 15 e mais anos e os valores não são ajustados de sazonalidade.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.