A plataforma Luna veio desafiar as rivais Microsoft e Google neste setor em rápida expansão. "Estamos entusiasmados por trabalhar com jogadores, streamers e estúdios como a Ubisoft e a Remedy Entertainment para construir uma ótima experiência de jogo para todos", disse o vice-presidente de dispositivos e serviços de entretenimento da Amazon, Marc Whitten.

A empresa anunciou dois tipos de assinatura: um pacote com preço inicial de 5,99 dólares por mês (cerca de cinco euros), que dá acesso a um número ilimitado de horas de jogo e um vasto catálogo de títulos. O valor da outra opção, com um canal da francesa de games Ubisoft, ainda não foi divulgado.

Com o novo serviço, o grupo de Jeff Bezos pretende competir num mercado multibilionário com a Google, que lançou a sua própria plataforma de jogos por assinatura em novembro, o Stadia, e a Microsoft, que recentemente adicionou o serviço Cloud Gaming para assinantes à sua biblioteca de jogos online.

A assinatura do Stadia Pro do Google custa 9,99 dólares por mês (cerca de oito euros e meio), e o Xbox Game Pass Ultimate, que inclui a plataforma de jogos da Microsoft, sai por 14,99 dólares mensais (quase 13 euros).

O comando do Luna será compatível com PC, Mac e Fire TV, além de aplicações para iPhone e iPad e, posteriormente, para Android. O serviço integrará ainda a Twitch, a popular plataforma de streaming voltada para gamers que pertence à Amazon.

O acesso à novidade da Amazon, por enquanto, está disponível apenas por convite para clientes dos Estados Unidos. O Luna será operado pela Amazon Web Services (AWS), o serviço de "nuvem" do grupo com sede em Seattle.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.